SEEB promove panfletagem em frente ao Hospital Português e denuncia exploração de trabalho e redução salarial

SEEB promove panfletagem em frente ao Hospital Português e denuncia exploração de trabalho e redução salarial

SEEB promoveu ação em frente ao Hospital Português e entregou (Foto: SEEB)
SEEB promoveu ação em frente ao Hospital Português e entregou (Foto: SEEB)

O Sindicato dos Enfermeiros do Estado da Bahia (SEEB) promoveu uma panfletagem hoje, 15, em frente ao Hospital Português, na Barra. Na nota entregue aos trabalhadores e usuários, o SEEB repudia a ação do Hospital em manter trabalhadores em regime de “Júnior”, o que prevê os mesmos serviços e não permite plano de carreira e mesmos salários.

A ação foi muito positiva e bem recebida pelos trabalhadores. Atitudes como esta provam que as denúncias são recebidas, apuradas e denunciadas, portanto, colegas, não tenham medo. Entrem em contato com o Sindicato e denunciem abusos e perda de direitos. Em 2017, o SEEB irá trabalhar ainda mais forte na apuração das denúncias. Promoveremos panfletagem, assembleias e manifestações em frente das instituições. Não iremos aceitar perdas e exploração de mão de obra.

Confira a nota na íntegra:

O Hospital Português da Bahia, de forma ardilosa, contrata Enfermeiros (as) e os mantém com a mesma carga horária e mesmas atividades, mas salários reduzidos. A contratação, em regime “Júnior”, prevê os mesmos serviços, mas sem plano de carreira, além de reduzir o salário dos novos contratos pela metade, em relação ao contrato padrão, no valor de R$ 4.800,00.

Ao reduzir o salário dos (as) enfermeiros (as), o Hospital Português obriga estes (as) trabalhadores (as) a buscarem outros vínculos para complementar a renda e garantir a manutenção para si e sua família. Isto significa maior jornada de trabalho individual, o que coloca em risco a saúde do (a) trabalhador (a) e das pessoas a quem ele (a) assiste.

Outro ponto que fica claro é que o Hospital Português não reconhece que o trabalho dos (as) enfermeiros (as) é imprescindível para a organização e funcionamento deste e de qualquer outro Hospital.

O Sindicato dos Enfermeiros do Estado da Bahia (SEEB) repudia este ato de desrespeito e superexploração da força de trabalho do (a) enfermeiro (a) e afirmamos que não vamos aceitar. Os trabalhadores da saúde não irão sofrer mais esta perda. Juntos somos fortes!

 

Fotos: SEEB.

Agenda da Semana

27 de Maio a 01 de Abril

27/05

 (Segunda)

(14:00) Reunião com a Fesf Sus.

28/05

(Terça)

(10:00) Audiência Pública em Feira de Santana.

29/05

(Quarta)

(08:30) Audiência de conciliação com a FBC na Justiça do trabalho.
(09:30) Reunião com a Fesf Sus.
(10:15) Audiência na 2ª VT de Alagoinhas com IBDAH.
(14:00) Reunião com a CUT/BA.

30/05

(Quinta)

(30/05) – Feriado.

31/05

(Sexta)

Recesso.

01/06

(Sábado) 

Fórum Popular de Saúde de Feira de Santana.

Confira também!

Processo IBR Vitória da Conquista

SAÚDE NÃO É MERCADORIA! Trabalhadores da rede privada de saúde iniciam campanha para cobrar melhores condições de trabalho à Hapvida

Abrir WhatsApp
Precisa de ajuda?
Olá! Como podemos te ajudar?